Maringá, 18 de Fevereiro de 2018
GLOBAL BENEFÍCIOS NUTRIGENES
 
Untitled Document
19.01.2018
Paraná registrou 275 mortes em confrontos policiais em 2017
Durante o ano de 2017, 275 pessoas morreram em confrontos com policiais no Paraná. Deste total, 131 mortes ocorreram no segundo semestre do ano, quando houve ligeiro recuo em relação ao primeiro semestre, que fechou com 144 casos. Já na comparação do total de mortes entre 2017 e os anos anteriores, o quadro é o seguinte: em 2015, foram 247 casos, em 2016, 264 e neste último ano, 275.

O balanço foi elaborado pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), órgão do Ministério Público do Paraná que tem entre suas funções o controle da atividade policial, a partir de informações repassadas pelas polícias Militar e Civil e pelas Guardas Municipais.

Ele foi encaminhado ao secretário de Segurança Pública, ao delegado-geral da Polícia Civil e ao comandante da PM, para conhecimento.

O controle de mortes em confrontos pelo Gaeco está sendo feito desde 2015. O levantamento permite o pronto acompanhamento dos casos pelas Promotorias de Justiça, em todo o Estado, de modo a assegurar a correta apuração das mortes e contribuir para diminuir a letalidade das abordagens e confrontos policiais.

ENFRENTAMENTOS
Das 131 mortes registradas no segundo semestre do 2017, 125 ocorreram em confrontos com policiais militares, quatro com policiais civis e duas com guardas municipais. Considerando os 275 óbitos do ano, 263 foram em situações que envolveram policiais militares, seis com policiais civis e seis com guardas municipais.

Das 275 mortes ocorridas em confrontos com policiais em 2017, 229 ocorreram em “situação normal de serviço” e 46 em situação de folga dos policiais ou guardas municipais. As mortes derivam de 236 eventos, isto é, situações de enfrentamento, significando que em algumas situações foi morta mais do que uma pessoa. Os confrontos ainda deixaram 236 feridos, um número 17% menor do que o verificado em 2016, quando foram anotados 284 feridos.

DADOS POR MUNICÍPIOS
Foram registradas mortes em confrontos em 37 cidades paranaenses no segundo semestre do ano passado. Mantendo uma tendência já verificada no primeiro semestre de 2017, a região de Curitiba concentrou grande parte dos casos: foram 47, na capital; sete em São José dos Pinhais; cinco em Fazenda Rio Grande e em Piraquara; três em Colombo; dois em Araucária; e um em Almirante Tamandaré, Campo Magro e Pinhais. No interior, constatou-se no segundo semestre de 2017: 13 mortes em Londrina; cinco em Maringá e em Cascavel; quatro em Guarapuava; três em Ponta Grossa, em Umuarama e em Quedas do Iguaçu e duas em Foz do Iguaçu e Pontal do Paraná. Com uma única morte, aparecem: Bandeirantes, Brasilândia, Cambará, Cambé, Cambira, Castro, Cianorte, Engenheiro Beltrão, Juranda, Mandaguaçu, Marquinho, Munhoz de Melo, Paranaguá, Salto do Lontra, São João do Caiuá, São João do Ivaí, São Miguel do Iguaçu, Toledo e Vera Cruz do Oeste.

No semestre anterior, as mortes em confrontos haviam sido registradas em 43 municípios. Do total de 144 casos, 61 casos, 44,2% do total, ocorreram na Grande Curitiba. Foram 31 na capital, 11 em São José dos Pinhais, quatro em Araucária, quatro em Piraquara, três em Colombo, duas mortes em Almirante Tamandaré, duas em Pinhais e duas em Quatro Barras, além de um óbito em Campina Grande do Sul e outro em Fazenda Rio Grande. Outras cidades com número elevado de casos são Londrina (14), Foz do Iguaçu (10) e Umuarama (oito).

Douradina, São Miguel do Iguaçu e Terra Boa tiveram quatro mortes em confrontos. Houve três casos em Cascavel e Guaratuba e dois casos em Maringá e Sarandi. Com uma única morte, apareceram Alto Paraná, Arapongas, Bandeirantes, Barbosa Ferraz, Bom Sucesso, Campina do Simão, Campo Mourão, Carambeí, Farol, Guarapuava, Ibiporã, Itambaracá, Ivaiporã, Ivaí, Nova Prata do Iguaçu, Ortigueira, Ouro Verde do Oeste, Piraí do Sul, Ponta Grossa, Rio Bonito do Iguaçu, Santa Tereza do Itaipu, Santa Tereza do Oeste e Ventania.

FAIXA ETÁRIA
A faixa etária com mais vítimas de confrontos com policiais militares no segundo semestre de 2017 foi a de jovens com idade entre 18 e 29 anos, praticamente todos do sexo masculino. Elas correspondem a 76% do total de vítimas (portanto, três em cada quatro mortos eram jovens), um percentual maior do que o verificado no semestre anterior (63%).

A faixa de 13 a 17 anos, que representava quase 11% no primeiro semestre, foi reduzida a menos que 6% no segundo semestre. E a faixa dos que tem idade entre 30 e 59 anos, que representava 25% no primeiro semestre, reduziu-se a 17% nos últimos seis meses do ano.

ASC/MP-PR
 
16.02.2018
Ricardo Barros libera R$ 2 milhões para a Santa Casa
16.02.2018
Garota Country 2018
16.02.2018
Palmeiras fica no empate
16.02.2018
Acidente deixa cinco pessoas feridas
16.02.2018
Chineses celebram chegada do Ano 4716
16.02.2018
Obras no Terminal da Morangueira atrasam entrega do corredor
15.02.2018
Pantera Negra estreia nos cinemas
15.02.2018
UEM define datas do PAS e do Vestibular de Verão 2018
15.02.2018
Secretaria de Cultura diz que carnaval de rua foi um sucesso
15.02.2018
Tiroteio em escola da Flórida tem 17 mortes confirmadas
15.02.2018
Fiscalização eletrônica entra em funcionamento
15.02.2018
Trânsito maringaense faz mais uma vítima fatal
14.02.2018
Glória Menezes é internada com infecção respiratória
14.02.2018
Do coma ao pódio em PyeongChang
14.02.2018
Youtuber paranaense é baleada na cabeça e tem morte cerebral
12.02.2018
Corrida do Bem é lançada e as inscrições estão abertas
12.02.2018
Bruna Marquezine vai morar em Paris
12.02.2018
Brasileiro campeão do Big Wave Tour
12.02.2018
Cocamar registra seu maior faturamento
12.02.2018
Brasileiro é detido em apreensão de 541kg de cocaína
11.02.2018
Romero vence Rockhold por nocaute
11.02.2018
Prefeitura fecha 2017 com superavit
11.02.2018
Kim Jong-un convida presidente sul-coreano para reunião
11.02.2018
Carro cai de viaduto após ser fechado por carreta
10.02.2018
Caso confirmado de raiva é registrado na Vila Operária
10.02.2018
Blocos e bandas animam o carnaval de rua em Maringá
10.02.2018
Campanha da Fraternidade
10.02.2018
Validade do cartão do idoso é ampliada
10.02.2018
Carnaval deve movimentar R$ 6 bi e gerar 20 mil empregos
10.02.2018
Trânsito faz mais uma vítima fatal
09.02.2018
Ex-atacante é morador de rua no RJ
09.02.2018
Prazo para pagar IPTU com 8% de desconto
09.02.2018
Comércio varejista fecha 2017 com alta
09.02.2018
Denarc prende casal com munições e drogas
09.02.2018
Operação Carnaval tem início em todo o país
08.02.2018
São Paulo vence mais uma
08.02.2018
Pai de Ben Affleck culpa Hollywood por vício do filho
08.02.2018
Licitação é aberta para contratação de caminhões
08.02.2018
Servidores municipais pedem 10% de reajuste
08.02.2018
Polícia Federal prende o deputado João Rodrigues
08.02.2018
Novos radares começam a operar dia 15
07.02.2018
Vereadores rejeitam proposta de cidade inteligente
07.02.2018
Maringá testa placas de rua iluminadas
07.02.2018
Diretores escolas e CMEIs eleitos tomam posse
07.02.2018
Copom decide hoje se reduz taxa básica de juros
07.02.2018
Tentativa de assalto a carros-fortes deixa mortos e feridos
07.02.2018
Servidores voltam ao trabalho na UEM
06.02.2018
Kits para a Maringá Liquida
06.02.2018
Diretor garante que Neymar fica no PSG
06.02.2018
Programa Bota-Fora continua suspenso
06.02.2018
Para Temer, reforma tem que ser aprovada este mês
06.02.2018
Mulher é atropelada ao atravessar fora da faixa
06.02.2018
Reitor encaminha ofício autorizando pagamento de servidores
05.02.2018
Os atores que também são cantores
05.02.2018
Palmeiras vence o Santos
05.02.2018
Zoonoses orienta população sobre cuidados
05.02.2018
Copom pode reduzir juros básicos
05.02.2018
Jovem é baleado em Maringá
05.02.2018
Mais de 39 mil alunos voltam às aulas
03.02.2018
Alfredo Martin faleceu aos 93 anos
03.02.2018
Reunião discute duplicação de rodovia
03.02.2018
Ajuste no Orçamento de 2018 chega a R$ 16,2 bi
03.02.2018
PC localiza carro que atropelou e matou ciclista
03.02.2018
UEM não assina ofício e 4 mil servidores ficam sem salário de janeiro
02.02.2018
Grid girls protestam após saída da F1
02.02.2018
William Bonner critica hater
02.02.2018
STF proíbe cigarros aromatizados
02.02.2018
Comunidade define proposta de Parque Linear
02.02.2018
Briga termina em assassinato
02.02.2018
Ulisses Maia reforça bom relacionamento com Legislativo
01.02.2018
Ex-NBA morre em acidente
01.02.2018
As celebridades que gostam de comer insetos
01.02.2018
Maringá Liquida 2018
01.02.2018
Procon divulga pesquisa de material escolar
01.02.2018
Legislativo retoma atividades com votação de PLs do Executivo
01.02.2018
Temer diz que reforma da Previdência "não é bicho-papão"
Nipo Brasileiro Contabilidade
Hotel Internacional
SINCONFEMAR
Della Pizza
B1
Centro Comercial Tiradentes
Paraná Banco
MAPA - Venda de Ônibus
Oliver Media
Garage Motors
OdontoAtual