Maringá, 25 de Junho de 2018
GLOBAL BENEFÍCIOS Black Bull Steak House
 
Untitled Document
14.03.2018
Morre o físico britânico Stephen Hawking

O físico e matemático britânico Stehen Hawking morreu nesta segunda-feira (12) aos 76 anos de idade, em sua casa em Cambridge, informou sua família em comunicado.

A causa da morte não foi revelada. “Estamos profundamente tristes pela morte do nosso pai hoje”, disseram seus filhos Lucy, Robert e Tim. “Era um grande cientista e um homem extraordinário, cujo trabalho e legado viverão por muitos anos”, acrescentou o texto.

Autor de grande parte das descobertas da astrofísica moderna, Hawking sofria de esclerose lateral amiotrófica (ELA), uma rara doença degenerativa que o imobilizou e o fez se comunicar por meio de um sintetizador de voz.

Depois de desafiar a atrofia muscular progressiva desde os 21 anos, o matemático desafiou a física com a mesma determinação e, graças a ele, os buracos negros deixaram de ser uma hipótese fantasiosa. Além disso, viu em outra de suas mais fortes convicções, a teoria do espaço-tempo, a esperança de sobrevivência da humanidade. Nascido em Oxford em 8 de janeiro de 1942, exatamente 300 anos após a morte de Galileu Galilei, como ele sempre disse, Hawking sempre se descreveu como um filho desordenado e desprevenido, tanto que aprendeu a ler somente aos 8 anos. No entanto, as coisas seguiram um rumo diferente quando ele foi diagnosticado com a doença. Naquele momento ” tudo mudou”.

“Quando você enfrenta a possibilidade de uma morte precoce, você percebe todas as coisas que você gostaria de fazer e que a vida deve ser vivida na íntegra”, disse ele.

A ciência de Hawking O universo sempre exerceu um enorme fascínio sobre Hawking e, em 1963, essa paixão o trouxe para a Universidade de Cambridge, onde obteve seu doutorado em Física Teórica e Cosmologia.

Os anos entre 1965 e 1975 foram cientificamente entre os mais produtivos de sua vida. Após conseguir seu doutorado, Hawking se dedicou à pesquisa e ao ensino na faculdade de Gonville e Caius.

Em 1988, ele escreveu seu livro mais famoso: “Uma breve história do tempo”.

Já em 1997, ele ingressou no Departamento de Matemática Aplicada e Física Teórica de Cambridge, onde foi professor de Fisica Gravitacional. Três anos depois, conquistou a titularidade da cátedra Lucasiana de Matemática Aplicada e Física Teórica, que foi ocupada por Isaac Newton em 1663.

Sua pesquisa sobre buracos negros permitiu confirmar a teoria do Big Bang, a explosão da qual o universo nasceu. A partir dos anos 1970, ele começou a trabalhar sobre a possibilidade de integrar as duas grandes teorias da física contemporânea : a teoria da relatividade de Einstein e a mecânica quântica . Ele sonhava com todas reunidas na “teoria de tudo”, que em 2014 inspirou o filme dirigido por James Marsh, dedicado a Hawking. O longa rendeu o Oscar de melhor ator ao inglês Eddie Redmayne.

O físico se tornou um dos cientistas mais conhecidos do mundo ao abordar temas como a natureza da gravidade e a origem do universo. Uma das mais recentes teorias que formulou prevê que o universo não teve um começo e história únicos, mas uma infinidade de origens e histórias diferentes. A maioria desses mundos alternativos, no entanto, teria desaparecido muito cedo, depois do Big Bang, deixando espaço para o universo que é conhecido.

Hanking revolucionou a história com as suas teorias do espaço-tempo, o Big Bang e a radiação dos buracos negros, resumidos em “Uma Breve História do Tempo”. A publicação teve mais de 25 milhões de exemplares vendidos em todo planeta.

A obra resultou em uma série de televisão da rede “BBC”, chamada Into the Universe with Stephen Hawking (“Dentro do Universo com Stephen Hawking”.

Em novembro do ano passado, o físico teve um encontro com o papa Francisco durante um evento promovido pela Pontíficia Academia de Ciências do Vaticano. “Existem inúmeros sinais encorajadores de uma humanidade que quer reagir, escolher o bem comum e regenar-se com responsabilidade e solidariedade”, disse o Papa na ocasião.

Homenagens A primeira-ministra britânica, Theresa May, lamentou a morte do cientista, que descreveu como uma “mente brilhante e extraordinária”.

“O professor Stephen Hawking era uma mente brilhante e extraordinária, um dos grandes cientistas de sua geração. Sua coragem, humor e seu empenho em aproveitar a vida ao máximo foram uma inspiração”, escreveu em sua conta no Twitter.

Segundo ela, o legado de Hawking não será esquecido.

Por sua vez, o ator vencedor do Oscar por interpretar o físico também lamentou a morte de Hawking. Em comunicado, Red Redmayne afirmou que “era o homem mais divertido” que ele já conheceu.

“Nós perdemos uma mente verdadeiramente linda, um surpreendente cientista e o homem mais divertido que eu tive o prazer de conhecer”, destacou o ator na nota.

A Universidade de Cambrigde, onde ele realizou boa parte de suas contribuições, enfatizou que Hawking era uma “inspiração para milhões” de pessoas e deixa ao mundo “um legado indelével”.

Foto - Reprodução






 
22.06.2018
Prefeitura vai recriar a Codemar
22.06.2018
Sasc quer “Selo Social” para empresas que oferecem vagas
22.06.2018
Paraná e HUM são destaque na captação de órgãos para transplante
22.06.2018
Brasil vence nos acréscimos
22.06.2018
OAB anuncia novo recurso contra cobrança de bagagem
22.06.2018
Empresário capota carro e morre na PR-317
21.06.2018
Trump assina ordem para impedir separação familiar
21.06.2018
CR7 pode quebrar recorde
21.06.2018
Vacinação é liberada para todos os profissionais da educação de Maringá
21.06.2018
Mulher tenta matar marido por causa de drogas
20.06.2018
Operação Marquise 2018
20.06.2018
Cocamar implanta Canal de Ética
20.06.2018
Escolas municipais e CMEI’s serão dispensados para jogos da Copa
20.06.2018
Sasc promove a Semana de Prevenção sobre Drogas
20.06.2018
Já está tudo armado para soltar Lula
20.06.2018
PC continua investigando a morte de Beatriz
19.06.2018
Semulher prepara implantação do botão do pânico
19.06.2018
Os momentos mais vergonha alheia dos repórteres
19.06.2018
Prefeitura e Sanepar não entram em acordo
19.06.2018
Prefeitura de Maringá pretende aumentar o quadro de funcionários
19.06.2018
EXPO IMIN 2018 será realizada pela primeira vez na cidade de Maringá
19.06.2018
Lei Seca soma dados positivos após 10 anos
Nipo Brasileiro Contabilidade
Asia Sushi Beer
SINCONFEMAR
Della Pizza
B1
Centro Comercial Tiradentes
Paraná Banco
MAPA - Venda de Ônibus
Oliver Media
Garage Motors
OdontoAtual