Maringá, 19 de Dezembro de 2018
GLOBAL BENEFÍCIOS Black Bull Steak House
 
Untitled Document
16.05.2018
Briga entre vereador e PM será investigada
Diante da polêmica e da repercussão após a troca de agressões entre o vereador Mário Verri (PT) e o soldado da Polícia Militar, Roberto Pessutti, as primeiras medidas sobre o caso foram tomadas nessa terça-feira (15).

Contra os dois envolvidos, o conflito já gerou registro de ocorrência na 9ª Subdivisão Policial, exame de corpo de delito, discurso no plenário e abertura de sindicância.

Sem divergências sobre o começo da briga, após relatos de Verri e Pessutti, o fato ocorreu durante o desfile de aniversário de 71 anos de Maringá, na manhã de segunda-feira (14). Em razão das diferenças políticas e ideológicas, aliado a acusações, uma discussão efusiva teve início na frente dos demais presentes e só terminou depois de um tapa ser desferido por parte do parlamentar.

CONFUSÃO
Com presença de aproximadamente 3,5 mil pessoas nas ruas de Maringá durante essa segunda-feira, diversas autoridades e associações municipais participaram das celebrações do septuagésimo primeiro ano desde que a Companhia Melhoramentos Norte do Paraná (CMNP) iniciou a venda dos primeiros lotes. Em realização na Avenida XV de Novembro, arquibancadas foram instaladas para a passagem de convidados e figuras simbólicas para a história da Cidade.

Ao chegar ainda durante a manhã de viagem a Curitiba, o vereador que está no quarto mandato compareceu ao desfile e de imediato procurou um local para acompanhar as celebrações. Por parte de um grupo de apoiadores do juiz federal Sergio Moro, Verri relatou ter sido provocado, entretanto, em tom de brincadeira e sem atritos, para tirar foto com a imagem do magistrado. Após negar de forma descontraída e não ocorrer nenhuma troca de ofensas, nem mal estar, o parlamentar continuou a andar pelo espaço.

Visto pelo soldado Pessutti, integrante de um grupo conservador de Maringá, autointitulados de “Patriotas”, Verri foi novamente abordado, desta vez em tom de ameaça. Por parte do militar, críticas foram feitas ao fato do vereador ser filiado ao Partido dos Trabalhadores.

Diante disso, acusou o parlamentar de ser “ladrão” e outras ofensas semelhantes. Logo na sequência, o petista desferiu um tapa no rosto do policial, que também buscou a agressão, não obteve êxito e foi contido por populares que acompanharam a situação. Levados para lados opostos, os ânimos se acalmaram rapidamente.

Verri e Pessutti procuraram a Polícia Civil para o registro de ocorrências, por calúnia, injúria e difamação, e pelo tapa sofrido, respectivamente.

DESDOBRAMENTOS
Na manhã dessa terça-feira, durante o grande expediente em sessão ordinária na Casa de Leis, o político maringaense aproveitou do tempo disponível para apresentar a versão dos acontecimentos. No Plenário, Mário relatou que o grupo com imagens de Sergio Moro não o ofendeu, porém, Pessutti, em atitude isolada, o seguiu para dar início as ofensas. “Estava ao lado do palco, havia pessoas do MBL [Movimento Brasil Livre] e houve brincadeiras dos dois lados, nada fora da normalidade. A única coisa foi com o soldado”, explica. Após este primeiro fato, Pessutti o teria abordado duas vezes e desferido termos como “vagabundo”, “safado” e “ladrão”, fato que gerou revolta no vereador.

“Eu nasci nesta Cidade. Sou filiado no Partido dos Trabalhadores há 34 anos. Eu tenho uma família muito respeitada por todos os setores. As pessoas podem não gostar do Mário, podem não gostar do meu partido e podem não gostar do que eu faço. Isso não dá o direito de me chamar de ladrão ou de bandido, coisa que eu não sou. Aí eu o agredi, dei um tapa na cara dele. Não sou ladrão. Se eu fosse eu iria abaixar a cabeça, como muitos fazem”, relata Verri.

Após apresentar a versão dos fatos e agradecer a equipe da PM presente no evento, o vereador foi aplaudido pelos presentes na sessão. Carlos Mariucci (PT), presidente municipal da sigla, também comentou sobre o caso e manifestou solidariedade ao colega de bancada. Nenhum outro parlamentar citou o incidente.

Entre segunda e terça-feira, Pessutti utilizou das redes sociais para apresentar as explicações sobre a ocorrência. Além do boletim feito na 9ª SDP, o militar se dirigiu ao Instituto Médico Legal (IML) para a realização do corpo de delito, exame que busca verificar marcas deixadas pelo tapa. Diante dos documentos gerados, o policial garantiu que irá entrar com um pedido de Comissão Processante (CP) na Câmara Municipal, instrumento este que pode resultar em cassação de mandato de Mário.

Também com possibilidade de punição, desta vez contra o militar, o comando do 4º Batalhão abriu uma sindicância interna. Ainda não há prazos concretos para a definição de resultados na avaliação do 4º BPM.

Matheus Gomes
Foto - Reprodução
 
18.12.2018
Medina é bicampeão mundial
18.12.2018
PF faz operação contra tráfico internacional de drogas
18.12.2018
Parada de Natal de Maringá
18.12.2018
Talões do IPTU começam a ser distribuídos em janeiro
18.12.2018
Homem mata ex-namorada a tiros
17.12.2018
Fina elege brasileira a melhor do mundo
17.12.2018
Candidata das Filipinas vence o Miss Universo
17.12.2018
Projeto Meu Campinho retira criança das ruas e promove esporte
17.12.2018
Polícia Federal procura Cesare Battisti
15.12.2018
Novo presidente da AMUSEP
15.12.2018
Palmeiras vai renovar com Crefisa
15.12.2018
Justiça de Goiás determina prisão de João de Deus
15.12.2018
Homem se arrepende de furto e acaba preso
15.12.2018
Procon faz levantamento sobre produtos da Ceia de Natal
14.12.2018
Fux determina prisão de Battisti
14.12.2018
Maringá registra 339 incêndios ambientais em 2018
14.12.2018
Justiça condena HU a indenizar paciente em R$ 20 mil
14.12.2018
Número de homicídios dolosos reduz 9% em Maringá
14.12.2018
Motoristas infratores são flagrados em Maringá
14.12.2018
Prefeito faz balanço sobre obras em Maringá
11.12.2018
Vestibular da UEM tem 2.046 desistentes
11.12.2018
MP aciona Detran para regularização de exames psicológicos
11.12.2018
Segurança terá orçamento de R$ 18 milhões
11.12.2018
Jovem é assassinado a golpes de facão
11.12.2018
Lojas de Maringá ficam abertas até às 22 horas
08.12.2018
Carille é o novo treinador do Corinthians
08.12.2018
DJ Alok volta à Expoingá
08.12.2018
Secretaria de Saúde aplicou mais de 435 mil doses de vacinas
08.12.2018
Celulares irregulares serão bloqueados a partir de hoje em 10 estados
08.12.2018
PCC articula rebeliões em série no País
08.12.2018
Projeto de prevenção às drogas completa 10 anos em Maringá
06.12.2018
Crack, a cocaína em cristais
06.12.2018
MP pede que Uber tenha CPF de passageiros no aplicativo
06.12.2018
Atlético-PR empata na Colômbia
06.12.2018
Mario Hossokawa é reeleito presidente da Câmara
06.12.2018
Comerciantes de Maringá estão animados para o Natal
06.12.2018
Supermaconha apreendida viria para Maringá
04.12.2018
SRM anuncia primeiro show da Expoingá 2019
04.12.2018
Turma do STF julga habeas corpus de Lula
04.12.2018
Vagas de emprego e temporários crescem em Maringá
04.12.2018
Procon de Maringá inicia Semana de Conciliação
04.12.2018
Deficientes cobram melhorias na Avenida Brasil
04.12.2018
Estruturas da Maringá Encantada são alvos de vandalismo
03.12.2018
Palmeiras e torcida vibram com o título
03.12.2018
Bolsonaro critica forma como europeus defendem meio ambiente
03.12.2018
Mulheres de Maringá terão ‘Botão do Pânico’
03.12.2018
Atirador executa homem no Conjunto Santa Felicidade
01.12.2018
Dos Anjos perde para Usman
01.12.2018
Maringá vence ranking de gestão municipal
01.12.2018
Ex-presidente dos EUA George H.W. Bush morre aos 94 anos
01.12.2018
Polícia procura assassino do córrego
01.12.2018
Mortes em decorrência do HIV/AIDS caem 30% em Maringá
30.11.2018
Saúde orienta para vacinação contra febre amarela
30.11.2018
STF suspende julgamento sobre indulto natalino
30.11.2018
Dupla executa homem no Jardim Alvorada
30.11.2018
Fiscalização por videomonitoramento é testada em Maringá
29.11.2018
Reciclagem em Maringá precisa se estruturar
29.11.2018
Primeiro ônibus elétrico chega a Maringá
29.11.2018
Preso no Rio, o governador Pezão
29.11.2018
Corpo de homem é encontrado em riacho
29.11.2018
Cidade registrou mais de 150 mil multas por radar
29.11.2018
Eleição do novo presidente da Câmara esquenta discussões
28.11.2018
Danilo Gentili perde ação por danos morais
28.11.2018
O anjo Gabriel
28.11.2018
Governadora entrega veículos às polícias Civil e Militar
28.11.2018
Casal é preso com crack e munições
28.11.2018
27% dos Maringaenses devem pagar dívidas com o 13º Salário
27.11.2018
Carille insatisfeito na Arábia
27.11.2018
Banco Central leiloará US$ 2 bilhões para conter alta do dólar
27.11.2018
Serviço Aeromédico completa dois anos em Maringá
27.11.2018
GM inicia capacitação para utilizar armas de fogo
27.11.2018
Mata namorado da mãe e morre em confronto com PM
27.11.2018
Evento incentiva empreendedorismo em Maringá
26.11.2018
Amusep estreita relacionamento com deputados eleitos e reeleitos
26.11.2018
Palmeiras é campeão brasileiro 2018
26.11.2018
Campanha de combate à Dengue
26.11.2018
Mais de 96% das vagas do Mais Médicos foram preenchidas
26.11.2018
Acidente causa duas mortes na BR-376
26.11.2018
Prefeitura suspende cobrança de IPTU Progressivo
23.11.2018
Amusep promove reunião
23.11.2018
Mais de 40 bairros de Maringá ficam sem água
23.11.2018
Prédio da Saúde em Maringá será reformado
23.11.2018
Inscrições para o Mais Médicos são prorrogadas
23.11.2018
Operação prende suspeitos de pedofilia no Paraná
23.11.2018
Maringá se destaca na geração de emprego
22.11.2018
Flamengo vence e ainda sonha
22.11.2018
Palmeiras vence, mas adia título
22.11.2018
Secretarias de Maringá terão novos diretores
22.11.2018
Cidades da 15ª Regional de Saúde perdem 23 médicos cubanos
22.11.2018
STF adia decisão sobre decreto de indulto natalino
22.11.2018
Policiais prendem quadrilha que assaltava ônibus
21.11.2018
Palmeiras pode ser campeão antecipado
21.11.2018
Projeto da pista emborrachada do Parque do Ingá
21.11.2018
Falando sobre Aids
21.11.2018
Idoso desaparecido é encontrado morto
21.11.2018
Moro anuncia delegados paranaenses para PF e DRCI
21.11.2018
Começa a Festa Literária Internacional de Maringá
20.11.2018
Hospital Universitário precisa contratar 38 médicos
20.11.2018
Defesa Civil de Maringá eleita a melhor do Estado
20.11.2018
Moro coordenará grupo de combate à corrupção
20.11.2018
PRF registra 15 mortes na Operação República no Paraná
20.11.2018
Acidente na avenida Colombo faz mais uma vítima fatal
19.11.2018
Filhas saem em defesa de Silvio Santos
19.11.2018
Problema com ambulâncias no HU
19.11.2018
Festa Literária de Maringá começa quarta-feira
19.11.2018
SRM promove 10ª Agrocampo
19.11.2018
Hospital do Câncer precisa de doadores de sangue
19.11.2018
Prefeitura cobra do DER adequações para fechar cruzamentos
Nipo Brasileiro Contabilidade
Asia Sushi Beer
SINCONFEMAR
Della Pizza
B1
Centro Comercial Tiradentes
Avenida Store
MAPA - Venda de Ônibus
Oliver Media
Garage Motors
OdontoAtual