Maringá, 29 de Março de 2017
Paraná Banco Odontoatual
 
Untitled Document
27.10.2009
Maringá ganha Mercadão Municipal
O Mercadão Municipal de Maringá começa a funcionar na Cidade nesta quarta-feira, às oito horas, quando será aberto ao público, contudo o lançamento oficial do empreendimento será hoje, às 19 horas.

O Mercadão encontra-se na avenida Prudente de Moraes, em frente ao Estádio Regional Willie Davis, na Zona 7, sendo que a entrada lateral está situada na Travessa Jorge Amado e seu horário de funcionamento será das oito às 19 horas, de terça-feira a sábado e das oito às 12 horas aos domingos. A praça de alimentação terá horário diferenciado, das 10 às 22 horas de terça-feira a sábado e das oito às 16 horas aos domingos.

No local serão vendidos hortigranjeiros, produtos naturais, frios, vinhos, embutidos, frutas, pães, pastéis, embutidos, artesanato, carnes e temperos exóticos, flores, produtos lotéricos, condimentos, açougue, peixaria, massas, cosméticos, perfumes, produtos orgânicos, livros, artigos para pesca, pamonhas, garapas, doces e outros produtos.

A praça de alimentação terá quatro restaurantes: à la carte, grelhados, comida brasileira e caseira e um oriental. A praça ainda comercializará lanches, esfihas, batata recheada, açaí, terá três choperias e muito mais.

De acordo com Gerson Fernandes, o Mercadão é a concretização de um sonho antigo, que há cerca de quatro anos começou a sair do papel, quando ele, juntamente com o empresário José Granado, passaram a procurar um lugar para o empreendimento, parceiros e a viabilidade.

“Antes de idealizar o nosso mercado municipal, visitamos os existentes em outras cidades e tiramos o melhor de cada um. O Mercadão será mais uma atração turística para Maringá e, sem dúvida, uma nova opção em lazer. As pessoas poderão fazer compras, encontrar os amigos e adquirir produtos de qualidades no mercado municipal”, disse Fernandes.

Os empresários visitaram mercados municipais de Campinas, Belo Horizonte, Joinville, Salvador e Curitiba, em busca de inspiração arquitetônica e meios de conservar detalhes particulares desses centros populares de compras.

“Nosso maior modelo acabou sendo o mercado municipal de Curitiba, mas de São Paulo, a versão maringaense acatou os tradicionais sanduíches de mortadela e pastéis de bacalhau”, revela Fernandes.

O prédio que antes alojava a Cerealista Tamandaré foi arrendado e reformado para abrigar 117 boxes e uma praça de alimentação para 500 pessoas.

A reforma exigiu R$ 2 milhões e o investimento total foi de R$ 10 milhões, o terreno conta com 6,5 mil metros quadrados, com 4,4 mil metros quadrados de área construída, estacionamento interno para 120 carros e deverá gerar 400 empregos diretos.

“A locação dos espaços foi aberta em dezembro de 2008 e completada no mês seguinte. A procura por espaço no Mercadão foi intensa devido à localização do negócio, pois fica no coração da Cidade, além do mais, todas as grandes cidades têm mercadão e um empreendimento como esse faltava em Maringá”, explica Fernandes.


Danyani Rafaella
Foto: Danyani Rafaella
 
27.03.2017
Boulevard da Colombo
27.03.2017
′Paixão de Cristo′ está confirmada
27.03.2017
Lair Ribeiro ministra palestra em Maringá
27.03.2017
Itália eufórica com Vettel
27.03.2017
Maringá recebe recursos
27.03.2017
Ministra britânica pede acesso ao Whatsapp
Nipo Brasileiro Contabilidade
Casa e Escritório
Martiflex
HYGIECORP
khouri imóveis
Ortoplus
MAPA - Venda de Ônibus
Oliver Media
Cartão Passe Fácil
ACOUSTIC HOME SYSTEM
Rima