Maringá, 16 de Agosto de 2018
GLOBAL BENEFÍCIOS Black Bull Steak House
 
Untitled Document
WALTER POPPI
O trem Pé Vermelho vem aí
 

Que tal levar um dia inteiro para ir de Maringa a Londrina? Parece  absurdo nos dias de hoje, mas isso já existiu. Quem é antigo aqui na cidade talvez  até já percorreu esse trecho neste período. Nossos avós, pelo menos não abriam mão deste veículo. Com tempo, por incrível que pareça, o transporte ferroviário foi ficando obtuso aqui no Brasil, e o hoje chamado trem “pé vermelho” saiu da rota. A gente fala por incrível que pareça porque o Brasil foi para a contra-mão no transporte ferroviário, enquanto no Japão, por exemplo, o trem é imprescindível para o transporte público. Há  uns 10 anos atrás uma empresa de trens do Japão foi considerada, naquele ano, a mais produtiva do mundo. Os japoneses morreram de rir ao saberem que o Brasil não existia trem para transportar o povo.

Realmente um contrasenso. Quando se fala em trem, não é aquele que existe no Rio de Janeiro, por exemplo, que transporta trabalhadores. Nos referimos ao trem de passageiros, Estadual e interesdadual. Muito pioneiro aqui de Maringá viajava para São Paulo, de trem e demorava dois dias. Mas gostava.

Hoje o Brasil esta preocupado com a falta de trem, notadamente para transportar a nossa produção agrícola, pois o transporte de nossos grãos apenas pelas rodovias está superado e a cada dia ficando mais perigoso.

Este é o transporte comercial e industrial. O nosso pé vermelho é o transporte publico, e no nosso caso regional, de forma turística. Sim, porque os 152 km entre Maringá e Londrina será acima de tudo um passeio turístico. E dos mais agradáveis.

Tomara que nossas autoridades sensibilizem o Ministério dos Transportes no sentido de  que este beneficio seja implantado. Este Ministério, aliás, só tem feito mal ao Brasil, tendo em vista as falcatruas nas concorrências publicas para construção de rodovias que nunca saem do papel.  Está na hora de se redimir. Pelo menos aqui pra nos. Que venha o Trem Pé Vermelho.

MÉDICOS: 8 ANOS
A proposta do Governo Federal para ampliar o curso de Medicina por mais 2 anos não agradou à classe. A medida está meio parecida com exame da OAB, para advogados recém formados.

Parece que neste assunto os médicos tem razão, já  que no quesito de importação de profissionais da Espanha e Portugal a sua defesa não convence.

Na realidade não basta o médico  ter conhecimento da profissão. O que precisa mesmo é de qualidade dos hospitais. Falta medicamentos, aparelhos de raio-x, equipes de apoio e o principal: instalação adequadas. Sem estes princípios básicos os médicos não tem como exercer o seu papel.

E isto falta no Brasil. Talvez a culpa seja da própria classe, que nunca reclamou. Acompanhou de perto o sofrimento do povo sem ao menos se manifestar.

Agora provavelmente para por esta omissão. É o preço do silêncio.
 

Walter Poppi

 
  
Os artigos, conceitos e opiniões pessoais são de inteira responsabilidade do autor.
23.05.2017
Trimestralidade. Não é somente isso
08.05.2017
Maringá nasceu com preconceito de classe?
09.04.2015
Mais vereadores sim
18.09.2013
Mensalão: De volta ao inferno?
11.09.2013
E não é que a UMES existe?
05.09.2013
O nome que nos persegue...
28.08.2013
Futebol: Maringá na Série A e agora?
21.08.2013
Porque mexer com as Apaes?
14.08.2013
Quem vai cuidar das escolas?
07.08.2013
Trimestralidade: Agora ou Nunca!
31.07.2013
Que lições o Papa nos deixou?
17.07.2013
Walter Poppi
10.07.2013
Samu pede socorro!
03.07.2013
Primeiro a Cozinha, Depois a Copa...
26.06.2013
A voz das ruas
19.06.2013
Circular e vaias
12.06.2013
Aeroporto pisou na bola
05.06.2013


PADRE EDUARDO BELOTTI
Momento de Espiritualidade
WALTER POPPI
Trimestralidade. Não é somente isso
WALDEMAR ALLEGRETTI
Já passou da hora
COLUNISMO SOCIAL
Eventos e Personalidades
DOM ANUAR BATTISTI
Arquidiocese de Maringá
EM DEFESA DO CONSUMIDOR
Confira seus direitos
TIAGO VALENCIANO
Política e Sociedade
OSWALDO FREIRE
Capital Federal
FRANCISCO JOSÉ DE SOUZA
A Lógica do Espiritismo
TATTÁ CABRAL
Ensaio
HENRI JEAN VIANA
Francês Press
ROSE LEONEL
Notícia e Cia.
ORLANDO GONZALEZ
Dois Toques
CARMEM RIBEIRO
Colunista Social
JUAREZ FIRMINO
Balanço Geral
ADEMAR SCHIAVONE
Memórias de um bom sujeito
VERDELÍRIO BARBOSA
Fatos Políticos