Maringá, 21 de Novembro de 2018
GLOBAL BENEFÍCIOS Black Bull Steak House
 
Untitled Document
11.07.2018
Maringá já teve 353 incêndios este ano
O 5° Agrupamento de Bombeiros já atendeu 353 ocorrências de incêndio até nesta terça-feira (10), em Maringá. Sendo 203 ambientais, 96 em edificações e 54 em veículos.

No mesmo período de 2017, ocorreram 108 incêndios ambientais, 89 em edificações e 57 em meios de transporte, ou seja, houve um aumento, de um ano para o outro, de 38% no número de ocorrências.

O tenente Alexandre Fereli, oficial de Comunicação dos Bombeiros, diz que a estiagem é a principal responsável pelo aumento no número de ocorrências, principalmente neste mês de julho. “É um número preocupante, haja vista se compararmos com o último mês de junho. Foram 15 incêndios ambientais em junho e 25 nesses primeiros dias, até agora nenhum desses incêndios ambientais chegaram a atingir alguma residência ou alguma área de risco.

Alguns incêndios foram até simples, incêndios pequenos nós conseguimos conter fácil, outros tivemos que deslocar dois e até três caminhões de combate a incêndio, pra evitar que ele se propagasse para algumas áreas de risco”, conta Fereli.

A principal dica para evitar os incêndios ambientais durante o período de estiagem, em Maringá, é não limpar os quintais e colocar fogo em resíduos, já que a vegetação está muito seca. “Que a pessoa evite mesmo colocar fogo em lixo, porque o tempo está muito propício pra um princípio de incêndio”, ressalta o tenente.

Fereli destaca que ao ligar para o Corpo de Bombeiros, é importante saber relatar ao certo a gravidade da ocorrência. “É preciso descrever com maior riqueza de detalhes possível a situação do incêndio, porque como nós temos diversas ligações nesse período, às vezes, as pessoas pensam que um pequeno foco de incêndio não ameaça residências e não possui um potencial pra se propagar.
Então, é importante que as pessoas forneçam o maior número de informações para que nós consigamos criar as ocorrências mais importantes para poder empregar os nossos recursos materiais e humanos em ocorrências que realmente ofereça perigo”.

Segundo a estação meteorológica da Universidade Estadual de Maringá (UEM), não chove há quase um mês na Cidade. A última chuva ocorreu em 12 de junho, quando choveu um pouco mais de 50 mm, mesmo assim, o volume de chuva no mês ficou abaixo da média esperada, que é de 102 mm, pois ao todo choveu 66 mm.

Já neste mês, a média é de 76 mm de chuva e, nesta semana, de acordo com a Simepar, não há previsão de chuva para Maringá, somente na semana que vem.

Melaine Nabas
Foto - Reprodução
 
21.11.2018
Palmeiras pode ser campeão antecipado
21.11.2018
Projeto da pista emborrachada do Parque do Ingá
21.11.2018
Falando sobre Aids
21.11.2018
Idoso desaparecido é encontrado morto
21.11.2018
Moro anuncia delegados paranaenses para PF e DRCI
21.11.2018
Começa a Festa Literária Internacional de Maringá
20.11.2018
Hospital Universitário precisa contratar 38 médicos
20.11.2018
Defesa Civil de Maringá eleita a melhor do Estado
20.11.2018
Moro coordenará grupo de combate à corrupção
20.11.2018
PRF registra 15 mortes na Operação República no Paraná
20.11.2018
Acidente na avenida Colombo faz mais uma vítima fatal
19.11.2018
Filhas saem em defesa de Silvio Santos
19.11.2018
Problema com ambulâncias no HU
19.11.2018
Festa Literária de Maringá começa quarta-feira
19.11.2018
SRM promove 10ª Agrocampo
19.11.2018
Hospital do Câncer precisa de doadores de sangue
19.11.2018
Prefeitura cobra do DER adequações para fechar cruzamentos
Nipo Brasileiro Contabilidade
Asia Sushi Beer
SINCONFEMAR
Della Pizza
B1
Centro Comercial Tiradentes
Paraná Banco
MAPA - Venda de Ônibus
Oliver Media
Garage Motors
OdontoAtual